Cultura
FESTIVAL DE INVERNO: Começa domingo 40º edição 03/07/2014 às 22:50:41

40º Festival de Inverno de Itabira promove encontro entre tradição e contemporaneidade; programação traz artistas como Jorge Ben Jor, Erasmo Carlos e Nando Reis

 

Comemorando sua 40ª edição, o Festival de Inverno de Itabira começa neste domingo, com intensa programação cultural. De 6 a 27 de julho, a cidade em que nasceu o poeta Carlos Drummond de Andrade será a casa de grandes artistas brasileiros de diversos segmentos culturais.

 

E com 40 anos, sem interrupções, de trabalho, o Festival de Inverno de Itabira celebra em 2014 o tema “Da tradição à contemporaneidade: Encontro de tempos e artes“. “É um compromisso que já virou a marca do evento: resgatar a cultura e as manifestações itabiranas e mineiras ao mesmo tempo que instigamos no público a vontade de conhecer coisas novas”, ressalta Sônia Magalhães, coordenadora geral do festival e superintendente da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA).

 

Para representar o tema, quem abre a programação é o músico Jorge Ben Jor. “Ele foi um dos que inovaram a música brasileira de seu tempo, com seu suingue, e se manteve sempre se atualizando. E depois de 20 anos, volta a Itabira”, conta Sônia Magalhães, “o mesmo ocorre com Erasmo Carlos, que encerra nossa programação, em 50 anos de carreira, ele se reinventa a cada novo trabalho”.Também compõem a grade musical grandes nomes como Zizi Possi (11), Palavra Cantada (12), Nando Reis (18) e Zeca Baleiro (27).

 

Além da música, teatro, dança, artes plásticas e cinema são contemplados durante os 22 dias de Festival. Entre os espetáculos, os aclamados “Aqueles dois”, da Cia. Luna Lunera; “180 dias de inverno”, da Cia. Afeta; “Fábulas errantes”, da Cia. Errantes de Teatro e “Par”, do Grupo Ponto de Partida. Já a Cia. de Dança do Palácio das Artes apresenta “Entre o céu e as serras”. Nas artes visuais, destaque para artistas itabiranos e mineiroa, com exposições dos artistas plásticos Genin Guerra e Jorge Fonseca, do pintor e desenhista Mário Zavagli, além de apresentar trabalhos de diversos fotógrafos mineiros.

 

“O grande diferencial do Festival de Inverno de Itabira é a fidelidade com o povo daqui. Ele não é um festival comercial. A intenção é entreter, informar e formar o público”, explica Sônia Magalhães.

 

Lançamentos – O poeta e museólogo Mário Chagas, lança dois de seus livros, durante a programação do festival. Ele fará o pré-lançamento de “Museu, biodiversidade e sustentabilidade ambiental”, que trata sobre o papel dos museus na atualidade; e “Língua de fogo ou antes que o mundo acabe”, que reúne poesias sobre a luta contra a barbárie, caminhos e descaminhos da memória. Além dos lançamentos, o poeta vai comandar mesas de discussão sobre a importância do museu em cidades históricas.

 

Já no cinema, Sylvio Back lança nacionalmente o documentário “O Universo Graciliano”, com sessão comentada sobre o filme pelo cineasta.  Ele também realizará a “Cinemateca Sylvio Back”, com a exibição de cinco de seus aclamados filmes.

 

Oficinas – Integram a agenda do Festival 29 oficinas de formação em diversas áreas, como literatura, audiovisual, artes plásticas, música, dança, entre outras. As inscrições devem ser feitas até um dia antes de seu início. Para algumas oficinas haverá uma taxa de inscrição, no valor de R$20.

 

Leitura – A Fundação também lançará, durante o Festival, um projeto de leitura. Foram doados dois mil livros que serão distribuídos em vários pontos da cidade, como pontos de ônibus e em regiões mais distantes da cidade, para que as pessoas possam pegá-los emprestados e ter acesso a títulos diferentes da literatura. Além disso, haverá uma “carona cultural”, em que um ônibus irá fazer o empréstimo dos livros em vários pontos da cidade.

 

A programação completa e inscrições para as oficinas do 40º Festival de Inverno de Itabira podem ser conferidas no site fccda.mg.gov.br/40festival/





SEM BANNERS NESTE LOCAL!